Maio Poderá Vir a Ter um Aeroporto Internacional

Maio Poderá Vir a Ter um Aeroporto Internacional

O Governo anunciou hoje que quer fazer investimentos para a requalificação do porto marítimo e prometeu criar condições para a existência de um aeroporto internacional na ilha do Maio. Estas declarações partem do primeiro ministro, Ulisses Correia e Silva, durante uma cerimónia de assinatura de um acordo entre o Governo e da Internacional Holding Cabo Verde, que foi rubrificado pelo Ministro das Finanças, Olavo Correia e pelo representante do projeto “Little África Maio”.

 

De acordo com a agência noticiosa Inforpress, Ulisses Correia e Silva sublinha que Maio sempre foi vista como uma ilha de potencialidades, mas que o governo quer ir mais além e tirar proveito dessas potencialidades, como forma de dinamizar a economia, criar emprego e dar melhores condições de vida aos cidadãos. Salienta, igualmente, que o “Little África Maio” é o projeto turístico que tem realizado grandes feitos no país, contribuindo para o seu desenvolvimento, através da criação de emprego, geração de receitas fiscais e da atração de outros investimentos.

Outrossim, Ulisses Correia e Silva assumiu o compromisso do governo para com a construção do aeroporto, porto marítimo de Pau Seco e um hospital. Realçou que o projeto é sustentável, de confiança e de qualidade.

Enrique Banuelos, representante do projeto “Little África Maio”, afirma que o projeto não visa apenas a ilha, mas todo o país. Concluiu, dizendo: “tudo isso irá permitir ao Estado de Cabo Verde ter um grande apoio na arrecadação de receitas. O acto de hoje é muito importante, pois, levamos mais de dois anos a trabalhar juntos para chegarmos a este dia”.

 

CES/ Jornal Arquipélago