EUA Aprovam Imunizante da Pfizer e BioNTech. Vacinação Vai Começar

EUA Aprovam Imunizante da Pfizer e BioNTech. Vacinação Vai Começar

Os Estados Unidos da América anunciaram, ontem, sexta-feira, a aprovação para uso emergencial da vacina desenvolvida pelas farmacêuticas Pfizer e BioNTech. Logo, num período em que o país se aproxima ao tecto máximo de mortes provocadas pelo novo coronavírus que foram previstas no início da pandemia. Por esta altura, os EUA têm tido recordes diários de mortes pela COVID-19.

Com a decisão tomada, os EUA posicionam-se como o sexto país do mundo a dar luz verde ao imunizante desenvolvido pelos consórcios Pfizer/BioNTech, esperando quebrar a cadeia de transmissão e o ciclo de morbidade causado pela COVID-19 no país.

A decisão norte-americana segue a recomendação de um órgão consultivo, que aponta para a aplicação emergencial da vacina da dupla Pfizer e BioNTech para pessoas maiores de 16 anos. Com esta medida, o país vai arrancar um prolongado programa de vacinação, que pretende reverter o quadro de contágio do coronavírus na população norte-americana.

Além dos EUA, também o Reino Unido já deu o pontapé de saída no seu programa de vacinação contra o coronavírus. Países como Canadá, Bahrein, Arábia Saudita e México, também, já aprovaram a vacina da dupla Pfizer/BioNTech, podendo, assim que receberem o imunizante, começar a campanha de vacinação.