Pilão Cão Vai Ser Uma Vila, Diz Herménio Fernandes

Pilão Cão Vai Ser Uma Vila, Diz Herménio Fernandes

Na visita à comunidade de Pilão Cão, o candidato à sua própria sucessão na Câmara Municipal de São Miguel, Herménio Fernandes, mais conhecido por Meno, promete transformar a comunidade numa vila. Meno diz que isso vai acontecer no mês de fevereiro do ano 2021.

 

 

O candidato do MpD em São Miguel afirma que levarão a proposta para a Assembleia municipal, juntamente com a sessão para a apreciação do relatório de atividades de 2020. Vão aprovar a elevação da localidade de Pilão Cão a categoria de vila, pois ali precisará de um projeto estruturante, com o setor de água, educação, saúde, mas também na sensibilidade. Os comunitários virão a ganhar um grande espaço de lazer à semelhança do que a Vila de Achada Monte ganhou, com mais atratividade, melhor higiene e saneamento.

 

 

O candidato salienta que vai instalar uma Delegação Municipal e que continuará a fazer investimento, sobretudo na inclusão social, com destaque para a Habitação Social, para que as pessoas tenham melhores condições de vida. Também, promete que vai dinamizar o turismo rural, melhorar as condições a nível do comércio, pois está-se a falar do quarto maior povoado do município. Em primeiro, lugar está a Calheta, depois Achada do Monte, Achada Bolanha e Pilão Cão.

Em termos da saúde, diz estar a cumprir com a obrigação, isto porque fez-se ali a reconstrução da Unidade Sanitária de Base de Pilão Cão e os comunitários têm ainda acesso a consultas médicas toda a semana, com um agente sanitário, visitando todas as famílias com doentes acamados.

Arrematando, o candidato a presidente diz que, em Pilão Cão, os idosos pensionistas hoje não têm a necessidade de se deslocarem até à sede de concelho, na Calheta, por causa da parceria com o Correio de Cabo Verde para descentralizar a sede para as outras comunidades.

Em São Miguel, são duas as candidaturas às eleições autárquicas de 2020. Herménio Fernandes começa agora um luta para a defesa do seu mandato, 2016-2020. Conta, pela frente, com João Carvalho, do PAICV, que vai procurar o seu primeiro mandato na Câmara Municipal local.

As eleições autárquicas acontecem a 25 de outubro nos 22 municípios de Cabo Verde, movimentando um maior número de candidatos no país.

 

 DM / Jornal Arquipélago – 2020.