Ulisses Correia e Silva Garante que Governo Cumpriu com o Essencial do Programa Durante os Cinco Anos

Ulisses Correia e Silva Garante que Governo Cumpriu com o Essencial do Programa  Durante os Cinco Anos

Ulisses Correia e Silva garantiu hoje, no Parlamento, que o Governo “cumpriu” com o essencial no seu programa de governação, apesar dos três anos de seca severa e dos impactos provocados pela pandemia, que afectaram fortemente a economia no País.

O Primeiro-Ministro começou por dizer que o Governo, num contexto mais difícil do que qualquer outro e que obrigou à alteração de prioridades na gestão de recursos, conseguiu cumprir o essencial do programa de governação.

Neste sentido, elencou as políticas implementadas, referindo-se à protecção dos agricultores, criadores de animais e famílias rurais, mitigando os efeitos da seca, assim como, frisou, investimentos em mais mobilização de água para agricultura, em energias renováveis para bombagem de água e comparticipação dos custos de rega gota-a-gota.

O Chefe do Governo lembrou ainda que Cabo Verde “saiu da estagnação económica” de 2015, fazendo a economia crescer, atingindo 5,7 por cento (%) em 2019 e 5,9% no primeiro trimestre de 2020.

Apontou que apesar dos três anos de seca, até 2019, foram criados 26 mil empregos no sector não agrário, reduzindo o número de jovens sem emprego e fora da educação ou formação.

“Passou de 68.115 em 2015, para 57.605 em 2019, um número ainda alto, sendo nossa prioridade, para o próximo mandato, fazer a economia crescer, investindo ainda mais na formação profissional, estágios profissionais, empreendedorismo e na concessão de bolsas de estudos.

Destacou a introdução à gratuitidade no ensino, aliviando milhares de famílias dos encargos com a educação dos seus filhos, implementação do sistema de cuidados a crianças, ressaltando o plano de prevenção e combate contra abuso e exploração sexual contra crianças.

Por outro lado, afiançou, “a pobreza ainda é elevada” em Cabo Verde, que afecta milhares de famílias, explicando que vai ser reforçado os investimentos na protecção e inclusão das famílias, no empoderamento económico das mulheres, através da massificação do programa de inclusão produtiva, no aumento da cobertura da segurança social e no aumento do salário mínimo para os próximos tempos.

Na saúde, Correia e Silva sublinhou que sua governação cumpriu com o sector com um extenso programa de infraestruturação da rede sanitária, informando investimento de um milhão de contos para equipar 32 centros de saúde no País e os hospitais centrais e regionais.

“Isentamos a taxa moderadora de saúde, melhoria evidente nas condições de evacuação internas e externas de doentes, particularmente daqueles que estão em maior vulnerabilidade económica”, revelou.

Por fim, Ulisses Correia e Silva disse que Cabo Verde vai vencer a COVID-19, relançar a economia e continuar a colocar o arquipélago no caminho seguro, sustentando que a prioridade é atingir, este ano, 70% dos cabo-verdianos vacinados.

PLSJornal Arquiélago| c/ Inforpress | Cidade da Praia – Palmarejo Grande | 2021.